Como analisar o rendimento de um investimento?

O rendimento é o valor que você irá receber além do valor que investiu. Você também pode ver por aí esse valor sendo chamado de juros ou taxas.

Por exemplo:

  • Você aplica R$100,00 em um investimento que pague 10% de juros ao ano.
  • Após um ano, você receberá R$110,00: os R$100,00 que você investiu somados aos R$10,00 equivalentes a 10% de rendimento.
  • Observe que o rendimento é representado por um valor e um período.

Você pode saber esse valor no momento em que aplica o dinheiro (rendimento prefixado) ou somente após o período de aplicação (rendimento pós-fixado).

Quando você vê na propaganda de um investimento o rendimento que ele irá pagar, este rendimento é chamado de rendimento nominal. Este não será o valor que você receberá realmente, pois antes que você receba seus rendimentos você terá de pagar as taxas e o Imposto de Renda. Ainda assim, para que você realmente tenha ganho algum dinheiro, o que sobrar tem que ser suficiente para ganhar da inflação do período em que seu dinheiro ficou aplicado.

O rendimento final, descontadas as taxas, impostos e inflação, é chamado de Rendimento Real, e é com ele que você deve se preocupar. Continue lendo para aprender mais.

O QUE É RENDIMENTO PREFIXADO?

Rendimentos prefixados são aqueles em que o valor é definido no momento em que você investir:

  • 10% ao ano
  • 1% ao mês

Quando você recebe rendimentos prefixados, é possível saber no momento inicial qual valor você receberá quando retirar o dinheiro.

O QUE É RENDIMENTO PÓS-FIXADO

Rendimentos pós-fixados são aqueles em que o valor do rendimento é baseado em um índice de preços:

  • 90% do CDI
  • IPCA mais 6% ao ano

Nestes casos, o seu rendimento irá depender do valor que o índice terá ao final do período de aplicação.

Por exemplo:

  • Você aplica R$100,00 em um investimento que paga IPCA + 6% ao ano.
  • Após um ano, o IPCA foi igual a 4%. O rendimento do seu investimento terá sido de 10% (4% do IPCA + 6%) e você receberá R$110,00: R$100,00 que você investiu mais R$10,00 de rendimento.

O QUE É RENDIMENTO REAL?

O rendimento real de um investimento é aquele valor que você realmente recebeu a mais do que investiu. Para obtê-lo você deve descontar todas as taxas que teve que pagar e a desvalorização causada pela inflação durante o período em que o dinheiro ficou investido.

Quando você vê por aí a propaganda de um investimento anunciando 10% a.a.(ao ano) de rendimento, trata-se na verdade do rendimento nominal.

RENDIMENTO NOMINAL é o rendimento teórico previsto para um investimento.

Quando você recebe o dinheiro aplicado somado aos rendimentos, terá de pagar o imposto de renda e outras possíveis taxas. Isto diminuirá o valor que você realmente ganhou a mais do que investiu. Depois de descontadas as taxas e o Imposto de Renda, você terá obtido o rendimento líquido.

RENDIMENTO LÍQUIDO é o rendimento teórico descontado das taxas e Imposto de Renda.

A inflação faz o poder de compra do dinheiro diminuir. Isto é simples de se verificar porque, com inflação, o dinheiro que compra um produto hoje não conseguirá comprar o mesmo produto daqui a um tempo, devido ao aumento dos preços.

Se o seu investimento não é capaz de fazer o seu dinheiro valorizar mais do que o aumento dos preços causado pela inflação, você na verdade não terá aumentado seu patrimônio.

Para calcular o quanto você realmente ganhou a mais ao investir, é preciso subtrair a inflação do rendimento líquido, obtendo o rendimento real.

RENDIMENTO REAL é o rendimento nominal descontado das taxas, Imposto de Renda e inflação.

COMO CALCULAR O RENDIMENTO REAL?

Acompanhe este exemplo:

Você aplicou R$100,00 em um investimento que informava 10% de rendimento ao mês.

Depois de um mês, você retirou os R$100,00 investidos mais R$10,00 de rendimento nominal.

Você teve que pagar 15% de Imposto de Renda sobre o lucro e R$0,50 de taxas, resultando em R$108,00 na sua conta, um rendimento líquido de R$8,00, ou 8% a.m.

Durante o mês em que o seu dinheiro ficou investido, a inflação foi de 2%. Isto significa que 2% do que você ganhou na verdade não foram ganhos, apenas manteve o valor do seu dinheiro. O que você realmente ganhou será o rendimento além desses 2%.

Para fazer esse cálculo é preciso utilizar a fórmula:

Fórmula Rendimento Real

Substituindo os valores temos:

formula-rendimento-real-2

Ao final, o rendimento real foi de 5,882% a.m., abaixo do rendimento nominal anunciado de 10% a.m.

Você deve estar atento ao rendimento real de uma aplicação, pois em muitos casos, mesmo com um rendimento nominal alto, o Imposto de Renda, as taxas e a inflação são suficientes para fazer você ter um rendimento real negativo. Com rendimento real negativo, apesar de ter recebido mais do que você aplicou, seu patrimônio não aumentou e você não enriqueceu.

Conheça a nossa Calculadora de Rendimento Real.

Continue seu aprendizado e saiba como avaliar o Valor Inicial de um investimento lendo o artigo “Valor Inicial de uma Aplicação”.

Compartilhe este artigo:

TwitterFacebookGoogle+BufferPin It